© 2019 AUDTAX | AUDITORIA E COMPLIANCE. ORGULHOSAMENTE BRASILEIRO.

comercial@audtax.com.br |    Av. Paulista, 1765, 7°A - Conj. 72 C - São Paulo, SP

                                      Av. Barão Rio Branco, 26 - Rio de Janeiro, RJ

                                   Rua Evangelista de Lima, 931 - Franca, SP 

                                   5301 Conroy Road, Suite 140 - Orlando, FL

  • Facebook - Black Circle
  • LinkedIn - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • YouTube - Black Circle

CMV: Entenda o que é

March 7, 2017

Toda empresa tem o objetivo de oferecer produtos ou serviços e o intuito é gerar lucro. Por isso, o cálculo do Custo das Mercadorias Vendidas é importante para saber a situação atual da empresa.

 

A mercadoria adquirida pela loja comercial provoca um gasto (genericamente), um investimento (especificamente), que se transforma numa despesa no momento do reconhecimento da receita trazida pela venda, sem passar pela fase de custo. Logo, o nome Custo das Mercadorias Vendidas não é, em termos técnicos, rigorosamente correto.

 

O Custo das Mercadorias Vendidas (CMV) pode ser contabilizado a cada venda (debitando CMV e creditando Estoque). Assim, no final do exercício contábil o saldo da conta CMV corresponderá ao custo de todas as mercadorias vendidas durante o ano. Quando a empresa não mantém controle dos estoques, que permita a contabilização do CMV a cada venda, ela poderá apurar o CMV no final do período contábil pela diferença entre o estoque existente e o valor contábil do estoque.

 

Observe, portanto, que o estoque existente no início do período é acrescido pela contabilização das compras, mas não é reduzido pelas saídas. O valor real do estoque deve ser obtido por meio do levantamento do inventário, no qual se verifica a quantidade de cada item em estoque e a determinação do seu valor pela última aquisição. Esse valor contábil do estoque acrescido das compras será ajustado ao valor real inventariado, obtendo-se o CMV que é a diferença.

 

Custo dos Produtos Vendidos é a soma dos custos incorridos na produção dos bens e serviços que só agora estão sendo vendidos. Pode conter custos de produção de diversos períodos, caso os itens vendidos tenham sido produzidos em diversas épocas diferentes.

 

Por que o CMV é importante?

 

Muitos empreendedores não levam em consideração que produtos parados no estoque contam como vendas não feitas, ocupam espaço físico na empresa e têm impacto sobre a margem de contribuição. Resumindo: produtos parados no estoque = prejuízo. O cálculo do Custo de Mercadoria Vendida permite que o lojista tenha total conhecimento de quanto é gasto com cada produto que fica armazenado no seu estoque. Ou seja, ele dá um controle mais preciso da situação financeira da empresa em relação as vendas, pois está atrelado ao lucro bruto que você irá obter.

 

No entanto, é importante definir qual o melhor regime de inventário, se é o periódico ou o permanente.

A diferença do cálculo reflete a distinção de conceitos. No caso do inventário periódico, a empresa não tem um controle do estoque eficiente.

Já no inventário permanente, há um controle efetivo e constante conforme as movimentações de produtos ocorrem.

Esse tipo de inventário possui mais eficácia e apresenta informações mais assertivas para a tomada de decisão. O que se pode concluir, portanto, é que o Custo das Mercadorias Vendidas é um índice voltado para a apuração de resultado; por isso, ele será deduzido da receita líquida de vendas.

Assim, quanto maior for o lucro, maior será o estoque e o inverso também é verdade.

 

Como calcular?

 

Para você obter o CMV, é necessário fazer um cálculo levando em consideração alguns dados do seu estoque: Estoque Inicial (EI) do período que você quer analisar, as Compras (C) do período e o valor do Estoque Final (EF)ao término desse período. Ou seja:

CMV = (EI + C) – EF

O CMV pode ser calculado para todos os produtos do seu estoque ou para algum item

do mesmo. 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Please reload

Posts Em Destaque

BC limita tarifa de uso do cartão de débito para reduzir custos no comércio

September 27, 2018

1/10
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo